Seleção feminina de vôlei derrota coreanas e vai em busca do ouro olímpico

A Seleção Brasileira feminina de vôlei derrotou a Coreia do Sul por 3 sets 0, com parciais de 25/16, 25/16 e 25/16, na Arena Ariake, no Japão, na manhã desta sexta-feira, pela semifinal. Com esse resultado, o time de José Roberto Guimarães garantiu vaga na disputa da medalha de ouro dos Jogos Olímpicos de Tóquio. Agora o Brasil vai encarar os Estados Unidos na decisão, que vai acontecer na madrugada deste domingo, à 1h30 (de Brasilia).

De quebra, o país alcança a melhor campanha olímpica nos Jogos Olímpicos de Tóquio: a delegação verde-amarela garantiu a 20ª medalha olímpica, superando as 19 conquistadas nos Jogos do Rio-2016. Nos Jogos de Tóquio, o Time Brasil já colocou 16 medalhas no peito (quatro ouros, quatro pratas e oito bronzes) e tem mais quatro pódios garantidos. São duas finais no boxe, com Bia Ferreira e Hebert Souza, o futebol masculino, que decide o ouro diante da Espanha, neste sábado, e, claro, o vôlei feminino, que encara os Estados Unidos na madrugada de domingo, às 1h30.

O Brasil entrou em quadra desfalcada da oposto Tandara. Ela foi flagrada em teste antidoping e recebeu suspensão provisória. A informação foi anunciada pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB), em comunicado oficial. Sem ela, José Roberto Guimarães optou por Rosamaria de titular. Essa mudança já havia ocorrido nas quartas de final na vitória por 3 a 1, de virada, contra a Rússia.

E a jogadora não sentiu a pressão da titularidade. Com tranquilidade, soube mostrar o seu jogo e ajudou o Brasil a fechar o primeiro set sem muito esforço por 25 a 16.

O começo do segundo set  foi mais disputado, tanto que houve empate por 7 a 7. Depois, deslanchou e chegou a abrir cinco pontos (19 a 14) e fechou em 25 a 16.

No terceiro set, o Brasil fez 5 a 2, abriu 10 a 5, jogando um vôlei agressivo, sem dar chances para as rivais, abriu 10 pontos (20 a 10) e fechou o placar em 25 a 16.

 

Outra semifinal

Na outra semifinal, os Estados Unidos não tiveram grande trabalho para superar a Sérvia ao ganhar por 3 sets a 0, com parciais de 25/19, 25/15 e 25/23, em apenas 1h20.

Brasileiras e norte-americanas decidiram o vôlei feminino dos Jogos Olímpicos duas vezes. E foram duas vitórias do time comandado pelo técnico José Roberto Guimarães, que comemorou o bicampeonato olímpico com os títulos seguidos em Pequim-2008 e Londres-2012.

Os Estados Unidos, por sinal, avançam pela quarta vez à final olímpica no vôlei feminino, sendo que nunca conseguiram faturar o título. O outro vice-campeonato aconteceu nos Jogos de Los Angeles-1984, quando caíram diante da China. Para completar, o país tem outros dois bronzes olímpicos com as mulheres na modalidade, obtidos em Barcelona-1992 e na Rio-2016.

 

Portal Terra

Foto: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *